Aplicativos Web Progressivos: o que podem agregar para seu site e SEO

Menos de 0,01% de todos os aplicativos móveis terão sucesso comercialmente até 2018

O mercado de aplicativos móveis cresceu exponencialmente nos últimos dois anos. Em março de 2017, existiam mais de 3 milhões de aplicativos na Google Play Store e 2,8 milhões de aplicativos na Apple. Apesar do influxo de aplicativos no mercado, seu futuro não parece tão brilhante.

Um estudo da Gartner afirma que menos de 0,01% de todos os aplicativos móveis terão sucesso comercialmente até 2018. Isto porque os consumidores gastam 60% de seu total de tempo móvel em apenas três aplicativos. Os motivos que impedem os usuários de acessarem a cada aplicativo são muitos; alguns deles são:

  • Problemas de memória do smartphone
  • Políticas de privacidade do aplicativo
  • Consumo excessivo de internet
  • Diminuição da duração da bateria

Como os bons aplicativos nativos são caros de construir, é importante para as empresas encontrar uma maneira econômica de se envolver com seus usuários e clientes no celular. É aqui que entram os aplicativos da web progressivos (PWA).

 

O que é um PWA?

A Google diz que um PWA usa recursos web modernos para oferecer uma experiência de usuário semelhante a um aplicativo. Com um PWA tornamos o desenvolvimento de aplicativos menos necessário. A Google afirma ainda que os PWA estão transformando o legado das práticas na web móvel à medida que mais e mais empresas de comércio eletrônico estão aderido a esta tecnologia.

Vamos então dar uma olhada nos benefícios dos PWAs:

1) O PWA é User-friendly

Os Aplicativos Web Progressivos funcionam para todos os usuários, independentemente dos navegadores. Os PWA permitem uma nova estratégia para o design web que se centra no conteúdo principal das páginas. Esta funcionalidade oferece aos PWA uma vantagem enorme sobre aplicativos nativos.

2) O PWA é Rápido

Os PWA são 4X mais rápido do que sites responsivos ou m.dot. Quando você entra num PWA, o conteúdo do site é carregado à medida que você vai fazendo scroll em vez de todos de uma só vez. Isto evita completamente a tela branca no celular enquanto espera que o conteúdo Web seja carregado.

Esta é a razão pela qual um PWA parece tão rápido! Devido a esta tecnologia, a taxa de rejeição do site cai automaticamente, pois consegue conectar o usuário ao conteúdo desde o início.

3) O PWA é Responsivo

Um PWA é o exemplo perfeito de tecnologia de ponta. Pode ser acessado em qualquer dispositivo – seja ele desktop, móvel, tablet ou phablet.

4) O PWA funciona off-line

Um PWA continua a garantir uma experiência de usuário interativa, mesmo quando a conectividade com a internet é fraca ao entregar ao usuário conteúdos pré-configurados através de service workers. Os PWA são independentes de conectividade.

5) O PWA está sempre atualizado

Ao contrário dos aplicativos para dispositivos móveis, os PWA são atualizados continuamente. Sempre que um usuário carrega o conteúdo do site, ele verá a versão mais recente da página, tudo pronto e feito.

6) O PWA é detectável

Os PWAs podem ser otimizados como um URL do site. Eles são detectáveis pelos motores de busca.

7) O PWA é Re-engajador

Mais de 70% dos consumidores gostam do envolvimento com suas marcas favoritas através de notificações push. Os PWA permitem re-engajar os usuários através das tecnologias push. A taxa de clique (CTR) das mensagens push é 2,7 vezes superior à taxa de abertura (OTR) do e-mail.

8) O PWA é seguro

Os PWA são oferecidos através do HTTPS. Isso evita riscos e garante que o conteúdo do site não seja adulterado.

9) O PWA é linkavel

Os PWA são linkaveis e podem ser promovidos e compartilhados exatamente como o URL de um site.

10) O PWA não requer instalação

Os PWA não requerem instalação complexa. Na verdade, não exigem mesmo qualquer instalação da parte do usuário. Ele pode navegar pelo site e até mesmo fazer compras (no caso de lojas de comércio eletrônico) sem ter que instalar qualquer aplicativo.

 

Otimizar o PWA para um SEO efetivo

A forma como o SEO funciona pode ter alguns problemas com o PWA. Os motores de busca rastreiam primeiro as páginas para depois poder classificá-las e indexá-las. No entanto, num PWA, o conteúdo só é carregado após a criação das páginas (para que o tempo de carregamento possa ser reduzido). Assim, conteúdo deve ser escrito ou editado de tal forma que os motores de busca consigam ler, para fazerem a indexação e classificação de forma simples.

 

Organizar os conteúdos no PWA

É importante entender a forma como os clientes optam por interagir com as páginas web, pois isso irá ajudá-lo a exibir a informação correta no PWA, aumentando assim os níveis de engajamento.

Os PWA podem ter uma funcionalidade que captura os comportamentos e preferências dos usuários, e as notificações push são entregues com base nesses dados.

 

Quais os sinais que indicam que você precisa de um PWA

Se você tem:
1) conteúdo que precisa ser atualizado continuamente
2) uma plataforma de bate-papo ou comunicação que exige atualizações em tempo real e notificações push para avisar que novos conteúdos foram adicionados no site
3) uma base de clientes que provavelmente navegará no site offline (um blog ou um site baseado em notícias)
4) um site que o consumidor verifica várias vezes ao dia procurando conteúdo atualizado
5) usuários que usam principalmente navegadores da internet

 

Crie seu próprio PWA com Wigzo

Com recursos superiores, como acesso off-line, carregamento rápido da página, notificações push, etc., é bastante claro que os PWA estão aqui para ficar.

Se o seu negócio está pensando em criar um, a Element Loyalty pode ajudar com o Wigzo!

Esteja atento(a) em nossas publicações nos próximos dias porque iremos publicar um guia passo a passo sobre a criação de um PWA com o Wigzo.

Voltar ao topo